O adeus a sofrência. (Marilia Mendonça)

O adeus a sofrência. (Marilia Mendonça)

Nesta sexta (05/11/2021), ocorreu a queda de uma aeronave de pequeno porte, modelo Beech Aircraft, na zona rural de Piedade de Caratinga. O CBMMG confirma que a aeronave transportava a cantora Marília Mendonça e que ela está entre as vítimas fatais”, disse o Corpo de Bombeiros em nota.

A assessoria da cantora confirmou as mortes do produtor Henrique Ribeiro, do tio e assessor da cantora, Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e do co-piloto do avião, que não tiveram seus nomes revelados. Todos os corpos foram retirados do local.

Compositora desde os 12 anos de idade

Marília Mendonça começou a se destacar como compositora jovem, aos 12 anos de idade. Colecionava alguns dos maiores hits do Brasil, como “Infiel”, “Supera”, “Ciumeira” e “De quem é a Culpa”.

Seu sucesso no sertanejo sofrência trouxe a Marília a fama de “rainha da sofrência”. Ela foi uma das precursoras do movimento “feminino sertanejo”, marcado pela ascensão das mulheres cantando o gênero musical, que até o início dos anos 2000 era predominantemente masculino.

Apesar da pouca idade, Marília começou a colecionar grandes sucessos como compositora, ainda na adolescência.

As letras dela começaram a ganhar fama sendo interpretadas por grandes nomes da música. “É Com Ela Que Eu Estou” – na voz de Cristiano Araújo, “Até você voltar” e “Cuida Bem Dela” – sucesso da dupla Henrique & Juliano são alguns dos sucessos escritos por Marília.

Confira a playlist do ultimo trabalho da cantora

Deixe um comentário